A VIRGEM DAS ROCHAS

A pintura mais importante de Leonardo durante seu primeiro período em Milão foi “A Virgem das Rochas”. Essa obra representa o tema da Imaculada Conceição, ou seja, o dogma de Maria ter concebido sem pecado.


A Virgem das Rochas 1481-86, óleo s/painel, 122x199 cm, Museu do Louvre

Existem duas versões desta pintura. Uma que está no Louvre, em Paris (de 1483-85) e outra que pertence ao acervo da National Gallery de Londres (de 1506-08). Da Vinci trabalhou nas duas composições por um longo período, como era de costume, sempre parecendo não querer terminar o que tinha começado. Concluiu-se recentemente que as duas pinturas são simplesmente duas versões da mesma obra, mas com variações significativas.


O nome “A Virgem das Rochas” diz respeito a uma iconografia específica: a de uma figura religiosa representada no interior de uma gruta rochosa, sentada sobre pedras. Nessas pinturas, as personagens costumam ser organizadas seguindo uma ordem espacial específica conhecida como “composição em pirâmide”.


O painel foi feito para decorar a ancona da Capela Immacolata da Igreja de San Francesco Grande em Milão. Ancona é um altar de madeira esculpida onde são inseridas pinturas. No ano de 1483, a parte central e mais importante da obra – a Virgem com o menino no centro, ladeados por anjos músicos – foi encomendada a Leonardo. Os painéis laterais seriam realizados pelos irmãos Ambrogio e Evangelista De Predis.


A obra é importante porque, pela primeira vez em sua pintura, Leonardo conseguiu uma perfeita fusão entre as formas humanas e as da natureza, algo que ele vinha buscando há tempos em suas pesquisas artísticas. Nela não há tronos ou estruturas arquitetônicas que deem suporte espacial às personagens, mas rochas em uma gruta de águas límpidas decoradas com diferentes espécies de vegetação. Ao fundo vão emergindo picos de montanhas pedregosas por entre uma névoa atravessada pela luz do sol. É essa mesma luz que revela as formas delicadas e a expressão serena da Madona, o leve sorriso no rosto do anjo e as carnes fofas e rosadas das duas crianças.


Leonardo fez numerosos estudos para essa pintura. Nos primeiros esboços, a face do anjo é claramente feminina. Já na pintura, o sexo é indefinido, podendo esse anjo ser tanto uma figura masculina quanto feminina.


Este texto é uma tradução livre do site da WGA.

15 visualizações

© 2019 Contenuti

logo-whatsapp.png